Por Rômulo Morse


O Verdão confirmou na tarde desta terça-feira um acordo com a prefeitura de Vinhedo (SP) para a criação de um time feminino. A parceria será anunciada oficialmente na Academia de Futebol, às 11h, nesta quarta.

Leia também: Vídeo: Bastidores da vitória contra o Bragantino

Ana Lúcia Golçalves comandará o esquadrão feminino do Palmeiras (Foto: Rafael Ribeiro/CBF)

De acordo com o Palmeiras, a equipe será formada por jogadoras que já atuaram com a camisa da seleção brasileira e terá como treinadora Ana Lúcia Gonçalves, que recentemente trabalhava na Ponte Preta. Os treinamentos começarão nesta quinta (14) e as atletas mandarão suas partidas do Campeonato Paulista e do Brasileirão da Série A2 no estádio Nelo Bracelete, em Vinhedo.

Esse modelo de parceria não é inédito na história do Verdão. A modalidade, que foi introduzida em 1997, já fez acordos com São Bernardo do Campo (2005-2006), Salto (2008) e Bauru (2012). Nos anos de existência chegou ao vice-campeonato brasileiro em 1999 e conquistou o título do Campeonato Paulista dois anos mais tarde, em 2001.

Estarão presentes na coletiva de imprensa no centro de treinamento alviverde a nova técnica, o gerente do time feminino, Alberto Simão, o prefeito de Vinhedo, Jaime Cruz e o diretor de futebol do Verdão, Alexandre Mattos.  A criação de uma time de mulheres é quesito obrigatório para as equipes que a partir desse ano vão disputar competições organizadas pela Conmebol.