Poupando metade da equipe titular, o Palmeiras conseguiu buscar o empate contra o São Paulo e saiu do Morumbi com o 1 a 1. Válido pela 10ª rodada do Campeonato Brasileiro, Pablo e Dudu anotaram os gols do Choque-Rei, que contou com grande atuação dos goleiros e confusão já nos acréscimos da segunda etapa. 

Sendo assim, o Verdão permanece na liderança, com 26 pontos, mas viu a distância para o Santos, segundo colocado, diminuir para três pontos. O clube também aumentou sua sequência sem derrotas na competição e soma 33 partidas invicto. Do outro lado, o Tricolor fica no meio da tabela, com 15 pontos.

Deyverson, provocando o torcedor, comemorando o tento de empate (Foto: Marcos Ribolli)

Apostas

Quem investiu na igualdade ao final do clássico conseguiu um bom retorno financeiro. Segundo as informações da Rivalo, o resultado estava avaliado em R$ 2,90 para cada real apostado, ou seja, quem colocou R$ 100,00 teve R$ 290,oo de volta na sua conta!

O jogo

Primeiro tempo

O Palmeiras não conseguiu jogar na etapa inicial, principalmente nos primeiros 15 minutos de jogo. Dessa forma, o rival conseguiu abrir o placar cedo, aos 9′. Após ganhar a bola na direita, Hernanes cruzou rasteiro para a área e chegou no atacante Pablo, se adiantando aos defensores, e mandando no canto direito de Weverton. O Verdão só consegui ameaçar a meta do tricolor uma vez, na metade do primeiro tempo. Gustavo Scarpa chutou dentro da área, parando nas mãos de Tiago Volpi.

Segundo tempo

Diferente do primeiro tempo, os comandados de Felipão voltaram do intervalo ameaçando o adversário. Deyverson conseguiu uma sobra na área e, cara a cara com o arqueiro tricolor, bateu forte. Apesar da tentativa, Volpi fez milagre. A resposta adversária foi imediata, obrigando Weverton a fazer duas ótimas defesas, que interviu novamente em chute de Alexandre Pato.

O time foi empurrando o rival em seu campo defensivo e se aproximou do empate aos 23 minutos. Carlos Eduardo, que entrou no lugar de Zé Rafael, ficou de frente para o gol tendo apenas o goleiro rival à sua frente, mas bateu fraco e o viu fazer mais uma defesa. Porém, pouco depois, aos 25′, Dudu chutou e desviou na defesa. A bola subiu, acertou a trave, bateu na nuca de Tiago Volpi e entrou, igualando o placar. 

O Palmeiras seguiu dominando o duelo, chegando a 60% de posse de bola, mas produziu menos chances reais de marcar. Ao final, ainda rolaram as famosas cenas lamentáveis. Nos acréscimos, Raniel e Deyverson se entranharam por conta de provocações do atacante palmeirense ao torcedor presente no Morumbi, causando grande confusão entre as equipes.

Calendário

O Verdão volta suas atenções para a Copa do Brasil. Após vencer a primeira partida por 1 a 0, a equipe reencontra o Internacional nesta quarta (17), às 21h30, no Beira-Rio, pela fase quartas de final da competição.

Ficha técnica

LOCAL: Morumbi, São Paulo (SP)
DATA/HORÁRIO: 13/07/2019 – 19h
ÁRBITRO: Bruno Arleu de Araujo (RJ)
ASSISTENTES: Michael Correia (RJ) e Thiago Henrique Neto Correa Farinha (RJ)
VAR: Rodrigo Carvalhaes de Miranda (RJ)
CARTÕES AMARELOS: Arboleda, Hudson, Raniel (São Paulo); Moisés, Antônio Carlos, Carlos Eduardo (Palmeiras);
CARTÃO VERMELHO:
GOL: Pablo, aos 9’/1ºT (1-0); Dudu, aos 25’/2ºT (1-1);

SÃO PAULO: Tiago Volpi, Hudson, Arboleda, Bruno Alves e Reinaldo; Luan, Tchê Tchê e Hernanes (Igor Gomes); Antony, Pablo (Raniel) e Alexandre Pato (Toró);
Técnico: Cuca

PALMEIRAS: Weverton, Marcos Rocha, Antônio Carlos, Edu Dracena e Diogo Barbosa; Thiago Santos, Moisés, Dudu (Willian), Zé Rafael (Carlos Eduardo) e Gustavo Scarpa (Raphael Veiga); Deyverson;
Técnico: Luiz Felipe Scolari